Saúde: alerta para riscos do consumo excessivo de sal e sódio
Blood pressure cuff and salt

Saúde: alerta para riscos do consumo excessivo de sal e sódio

Sal e o sódio, quando consumidos em excesso, tornam-se os maiores vilões da alimentação no mundo. Os brasileiros consomem, em média, 12 g de sal por dia, o equivalente a 4.800 mg de sódio. Esse volume é mais do que o dobro do recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS). O ideal é a ingestão máxima diária de 5g de sal ou 2.000 mg de sódio. O alerta é feito pela Gerência de Agravos (Gevra) da Diretoria de Vigilância Epidemiológica de Santa Catarina (Dive/SC) no Dia Mundial da Alimentação, celebrado em 16 de outubro.

“Os riscos à saúde estão relacionados ao excesso do consumo. O sódio provoca a liberação de alguns hormônios que causam a retenção de líquidos. Isso faz aumentar a pressão sanguínea, sobrecarregando os rins e o coração”, explica a médica Jane Laner Cardoso, chefe de divisão de Doenças e Agravos Não Transmissíveis da Gevra/Dive/SC. A hipertensão já atinge 25% da população brasileira, de acordo com o Ministério da Saúde.

Se o consumo de sal, no Brasil, seguisse os padrões recomendados pela OMS, 1,5 milhão de pessoas ficariam livres de medicação para hipertensão e a expectativa de vida delas aumentaria em quatro anos. Além disso, haveria uma redução de 15% nos óbitos por acidente vascular cerebral (AVC) e de 10% nas mortes por infarto, conforme a Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC).

Na medida certa, faz bem

Principal tempero da culinária brasileira, o consumo de sal de cozinha é importante para o equilíbrio hídrico do corpo, pois regula a troca de água entre as células, ajudando na absorção de nutrientes e eliminando resíduos para a corrente sanguínea. Essa substância é composta basicamente por cloreto de sódio, mas também contém iodeto de potássio – essencial para o processo de contração muscular – e iodo, que vem sendo adicionado há 30 anos como parte de programa de Saúde Pública. O iodo é fundamental para a síntese da glândula tireoide e previne distúrbios como bócio, surdez, retardo mental e abortos prematuros.

Em excesso, é perigoso

O consumo diário de sódio tem sido bastante elevado, provocando especialmente a hipertensão e outras doenças crônicas que podem levar à morte.

Em 2011, o Ministério da Saúde e a Associação das Indústrias da Alimentação firmaram compromisso para a redução de sódio nos produtos. Desde então, 7.652 toneladas de sódio já foram retirados das fórmulas dos alimentos. A meta do governo é que, até 2020, o setor promova a retirada voluntária de 28.562 toneladas de sal do mercado brasileiro. Na mira do Ministério da Saúde estavam, principalmente macarrão instantâneo, pão de forma e bisnaguinha, bolos, snacks (batata-palha e salgadinhos de milho), maioneses e biscoitos. Esses são os alimentos campeões de sódio, conforme pesquisa realizada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Confira algumas dicas para reduzir o consumo de sal e sódio no seu dia a dia:

·         Retire o saleiro da mesa. Em alguns municípios brasileiros, essa é uma proibição nos restaurantes;

·         Não dose o sal por pitada, use uma colher (1 colher de café = 1 g de sal);

·         Evite aperitivos salgados ou industrializados, como batata frita, amendoim e castanha de caju;

·         Refrigerantes, sucos e outras bebidas industrializadas também têm sódio; até mesmo a água mineral;

·       Fique de olho na embalagem. No caso da água, a concentração varia de 0,2 mg/l a 103,6 mg/l conforme a marca;

·         Modere o consumo de conservas – como picles, azeitonas, patês – e enlatados – como extrato de tomate, milho e ervilha;

·         Evite embutidos e carnes salgadas, como bacalhau, charque, carne seca e defumados;

·         Evite alimentos com quantidade superior a 400 mg de sódio por 100 g ou 100 ml;

·         Leia com atenção os rótulos dos alimentos e calcule a incidência de sódio pelo peso total do produto. (As tabelas apresentam a quantidade de sódio em uma porção reduzida).

Sobre REDAÇÃO

error: Content is protected !!